Coworking – A Evolução do Trabalho

Autora: Roberta  Cassiano – Station Coworkers

 

 

Para conhecerem melhor a utilização dos escritórios atualmente, abaixo um pouco sobre a evolução dos ambientes de trabalho, desde o início dos escritórios até hoje.

Porque se fala tanto em Coworking – esse novo conceito de escritório, que não é tão novo assim – começou em 2005 nos EUA (Columbia) com Brad Neuberg – aonde ele fez um post para convidar as pessoas a utilizarem seu espaço de escritório para dividir as despesas – esse “dia” ficou intitulado de Coworking Day (9/agosto).

Então, começamos lá no início do século XX, Era Taylorista, de Frederick Taylor, aonde layouts tradicionais reforçam a hierarquia, passando pela época dos cubículos, o início do computador, entrando no mundo virtual, até hoje em dia, com o open office / compartilhamento de espaço de trabalho com toda segurança e protocolos de limpeza na pandemia Covid19.

Desde o início dos anos 2000, com a evolução da tecnologia e das ferramentas de trabalho, você pode trabalhar de qualquer lugar. Então os coworkings surgiram como uma alternativa de home office, para diminuir o atrito entre vida pessoal e profissional.

Coworking – é um ambiente de escritório que oferece posição de trabalho, aonde inclui serviço e infraestrutura necessária para você focar no seu negócio. Como internet, salas de reunião, recepção, cafeteria, espaço descanso, secretária, limpeza, segurança, e toda administração do escritório (condomínio, aluguel, IPTU, contas em geral). Pode ser um espaço mais “descolado”, ou executivo. Vai depender o seu perfil, ou da sua empresa. Pois é um facilitador para de diversos profissionais autônomos, pois você aluga sem a preocupação de manter o espaço físico. O importante é ter disciplina para o trabalho.

Agora essa tendência vem se expandindo para empresas com o maior número de colaboradores, e até mesmo multinacionais, mas bem divulgado no meio das startups. Todo tipo de empresa em qualquer indústria (segmento) pode ir para Coworking. Pequena, media, e grande porte, startup, multinacional.

Sempre em constante atualização, o modelo de Coworking precisou se adaptar na pandemia da Covid19 para continuar na competição escritórios implantando todos os protocolos de segurança: distanciamento, higienização diária, além do conforto para focar no seu negócio.

*Censo Coworking Brasil 2019

 

Principais Variáveis:

* Economia – se fizermos a conta, tem-se uma economia entre escritório e Coworking em média de 40%

* Localização

* Conforto

 

Principais Benefícios:

* Investimento inicial zero

* Sistema completo de telecomunicação

* Internet dedicada

* Suporte administrativo e operacional

* Serviços adaptados a necessidade do cliente

* Sala reunião equipadas para sua reunião